São Silvestre de Lisboa (2010)

Fui esta tarde fazer a prova de São Silvestre de Lisboa.

Levava pendurado na t-shirt o peluche que me foi oferecido pela madrinha Pirata na quinta-feira passada, o que fez com que alguns piratas me chamassem para a conversa e para tirar umas fotos. Entretanto até a madrinha Pirata apareceu :).

Como mencionei no post anterior, no ano passado desisti a meio caminho desta prova, devido a uma dor-de-burro valente que me tinha dado entre o 3º e o 4º Km. Portanto este ano queria mesmo acabar esta prova, para não ficar com “macaquinhos no sotão”. Desta forma era importante controlar o passo nos quilómetros iniciais. O Garmin ia dar uma ajuda valente nesse aspecto.

Entrei na área dos sub-50. Estava um mar de pessoas (acho que este ano aumentaram o número de vagas disponíveis).

Liguei o Garmin, para ir apanhando o satelite. Satelite ele encontrou mas… ficou sem bateria. Lá se foi o meu controlo de passo e também o controlo do tempo final “real”.  A lebre dos sub-50 estava um pouco mais à frente, pelo que decidi ir atrás dela (ou melhor, dele).

Começou a prova, com uma grande confusão para chegar à linha da partida. Arranquei e passados uns 300 metros cheguei ao pé da lebre. Mantive-me ali a uns metros dela e fui recuperando. Ao 1º quilómetro já estava a correr ao lado da lebre. Continuei ao lado da dita até à volta nos Restauradores onde a lebre acabou por ficar para trás devido a alguma confusão que por ali ia. Em vez de esperar pela lebre deixei-me ir. Não me sentia a correr demasiado depressa mas como já tinha passado a lebre,  já estava a ver o filme a ser parecido ao do ano passado… continuei e estava-me a sentir bem. Passei o 3º quilómetro bem, ao contrário do ano passado. Passei o 4º e também estava bem… mas não durou muito. Antes da zona de retorno antes do 5º Km (perto dos 4300 metros, mais coisa, menos coisa) começou-me a dar uma dor-de-burro. Reduzi logo o andamento e comecei a fazer massagens na zona. Comecei também a ficar com pouca força na parte inferior das pernas… comecei a ser ultrapassado por todos os lados. Onde é que já vi este filme?

Quando cheguei ao início da 2ª subida para os Restauradores (6º Km), já me sentia um pouco melhor, mas continuava lento como tudo. Acabou por ser a subida até ao Marquês que me ajudou a recuperar. Quando cheguei lá cima já estava bem melhor do “burro” e as pernas já não estavam sem força. A partir dali o percurso ficou mais fácil pois era só descer até ao Rossio e depois era sempre em recta sem desnível, apenas sendo necessário fazer duas curvas.

Quando entrei na recta da meta já ia a correr a um bom ritmo. A certa altura deparo-me com o cameraman e outro homem, que estavam a filmar aquilo mesmo no meio da rua. Tive de me baixar para não ir contra eles (passei por baixo do braço de um :)). Suponho que devem ter apanhado imagens giras, mas não me pareceu boa ideia estarem mesmo ali no meio, na zona dos sprints para a meta… :p

Cruzei a meta. Estava feita e o objectivo de terminar estava alcançado. Tempo oficial: 50:20 (min). Não sei se é tempo líquido (chip) ou bruto. Gostava de saber o meu tempo aos 5 Km para ver se realmente apertei muito na primeira metade, mas o site não dá essa indicação 😦

De qualquer forma fico na dúvida sobre se estas dores-de-burro fortes são à custa de ritmo exagerado meu, ou se a alimentação descuidada desta época também contribui para isto.

Falta a São Silvestre da Amadora para fechar o ano em termos de corridas.

PS: Entretanto publicaram os resultados com os tempos de chip. Fiz 48:46 (min). É o meu novo record em 10 Km.

Anúncios

Etiquetas: ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: